CloudWare

Virtualização Nas Empresas

Terça, 16 Agosto 2011

Virtualização é uma pratica comum em empresas do mundo todo, é uma tecnologia em alta no mercado corporativo, trazendo enormes benefícios para aqueles que a aderem. Este artigo visa demonstrar o impacto desta fantástica tecnologia nas empresas.

virtualizacao

Administrar servidores, sejam eles de pequeno ou grande porte ou ate mesmo desktops, nas empreses sempre foi um desafio. Sempre na procura de meios para melhorar a eficiência dos sistemas, reduzir custos, facilitar a manutenção, aumentar o desempenho e simplificar o gerenciamento os administradores de redes buscam constantemente novas tecnologias que facilitem este árduo trabalho. É neste cenário que surge a virtualização.

Esta não é uma tecnologia recente, surgiu na década de 60 dando seus primeiros passos através da IBM, mas foi apenas na década de 80 que esta tecnologia passou a ser vista como solução para os problemas que atingiam as empresas.

DEFINIÇÃO E TIPOS DE VIRTUALIZAÇÃO

Basicamente virtualização é uma forma de emular (ou esconder) as características físicas de um computador mostrando ao usuário um hardware virtual, ou seja, ele cria um ambiente isolado a realidade daquele sistema. Um exemplo de virtualização seria a instalação de diversos sistemas operacionais “virtuais” em um único sistema operacional. Isso permitiria, por exemplo, rodar programas que apenas funcionam no Windows, como o Microsoft Office, na plataforma Linux.

TIPOS DE VIRTUALIZAÇÃO

Existem três tipos de virtualização: de hardware, de aplicativo e virtualização da apresentação.

Virtualização de hardware

Esta técnica consiste em rodar diversos sistemas operacionais em um mesmo sistema. Com o uso de programas específicos, como o VMWare por exemplo, é possível criar maquinas virtuais que emulam componentes físicos de um determinado computador, possibilitando a instalação de diversos SO (Sistemas Operacionais).

Sua principal característica é a de permitir a compatibilidade de programas nas diversas plataformas de SO. Como foi citado anteriormente, este tipo de virtualização permite rodar programas que apenas funcionam no Windows em qualquer distribuição Linux por exemplo.

Virtualização de aplicativo

Esta técnica consiste em ter uma única cópia de determinado aplicativo, instalada em um servidor virtual. Isto faz com que não seja necessário instalar um mesmo aplicativo em diversos computadores.

Virtualização da apresentação

Esta técnica é bem parecida com o conceito de acesso remoto. Ela consiste em acessar um determinado sistema sem estar em contato físico com o mesmo. Isto permite utilizar um sistema operacional sem nenhuma restrição em qualquer lugar do planeta. Sua diferença em relação ao acesso remoto é permitir que diversos usuários utilizem, simultaneamente, o mesmo sistema sem que um interfira o outro, algo que não é possível no acesso remoto.

APLICATIVOS PARA VIRTUALIZAÇÃO

VMWARE

O VMware encontra-se na versão 7 e é uma alternativa paga. Ele é hoje o software de virtualização mais conhecido, sendo útil em diversas aplicações como ambientes de desenvolvimento, ambientes de suporte, migração de sistemas, simulação de instalação de redes e muitas outras funcionalidades.

Ele possui diversos recursos exclusivos para rede, dispositivos, compartilhamento de arquivos entre muitos outros. Também é possível executar vários sistemas operacionais no mesmo PC sem a necessidade de particionar o HD (Disco Rígido). Ele ainda inclui recursos de encapsulamento e manipulação de cada ambiente, podendo retroceder, reiniciar ou mover aplicativos entre configurações diferentes.

VIRTUALBOX

O VirtualBox é uma ferramenta simples e intuitiva de geração de máquinas virtuais, funcionando semelhantemente ao VMWare. Possui versões livre (conhecida como OSE - Open Source Edition) e não-livre. Uma das diferenças entre as duas é que a OSE não oferece suporte a USB para a máquina convidada (guest). Possui versões que rodam em GNU/Linux, MacOS X, OS/2 Warp, Windows XP e Vista, Solaris e um port para FreeBSD.

XEN

O Xen é uma das principais soluções de virtualização para plataforma Linux. Ele faz a ligação entre o hardware e software, oferece suporte a múltiplos sistemas simultaneamente (com excelentes desempenho e isolamento). Também o mapeamento de chips de computador como o processador e o controlador do teclado, torna a máquina virtual independente de sua infra-estrutura física e por isso tem grande flexibilidade.

QEMU

O QEMU é um aplicativo gratuito para virtualização. Possui interface simples e intuitiva e utiliza comandos simples para tarefas que podem ser complicadas em outros emuladores. Possui também a tradução dinâmica, que consiste em converter partes do código para quer o processador execute o conjunto de instruções.

CUSTOS E BENEFICIOS

Tanto na implementação quanto na manutenção a virtualização é um exemplo de tecnologia, pois ela permite a diminuição de diversos recursos como energia, hardware, mão-de-obra entre muitos outros benefícios. Segundo a IBM a economia com a virtualização vai de 50 a 80%, ou seja, a virtualização não trás benefícios apenas no gerenciamento de servidores, facilitando a vida dos administradores de rede, mais também oferece um grande ganho econômico para as empresas quanto para a natureza.

Além de cortar gastos, a virtualização mostra-se eficiente evitando o desperdício de recursos. Por exemplo: ao invés de uma empresa possuir diversos servidores, com a virtualização um único servidor acomodaria todos os outros virtualmente, reduzindo bastante os gastos, espaço físico, equipamentos, energia e deixando o sistema mais manutenível.

É fato que a virtualização permite diminuir os custos drasticamente, sendo uma alternativa bastante viável para empresas de pequeno, médio e principalmente, de grande porte.

VIRTUALIZAÇÃO E TI VERDE

A virtualização também esta fortemente ligada a uma pratica cada vez mais constante nas empresas, que beneficia a natureza e consequentemente a humanidade. Estamos falando da TI Verde.

Mais o que é exatamente TI Verde? Segundo Pablo Hess, editor da Linux Magazine, “TI verde é um conjunto de práticas para tornar mais sustentável e menos prejudicial o nosso uso da computação”.

Atualmente a necessidade de criar tecnologias que tragam benefícios para natureza, como fontes de energia sustentável, ou que diminuam a poluição causada por outras tecnologias, como o bio-combustível, estão cada vez mais em alta, e a virtualização se encaixa perfeitamente nesse cenário, pois aliada a TI Verde a virtualização já obteve dados animadores, reduzindo cerca de 80% dos gastos de energia aonde foi implantado.

VANTAGENS E DESVANTAGENS

Como foi dito anteriormente, a virtualização permite reduzir recursos (energia, equipamentos...), permite também reduzir o tempo e custo de implantação, diminui a mão-de-obra e torna o sistema mais manutenível, mas existem inúmeras vantagens quando se adota esta tecnologia.

Algumas características como gerenciamento centralizado (um servidor central acomodando diversos outros servidores virtuais), independência de hardware e espaço físico (tudo em um só lugar), acesso controlado a dados, facilidade em fazer backups e total compatibilidade com aplicativos (não importando qual a sua plataforma) são apenas algumas das características marcantes que a virtualização oferece para aqueles que a aderem.

Mais para que a implantação desta tecnologia dê certo é necessário um bom planejamento, pois não há espaço para erros. Um sistema de virtualização necessita de uma enorme capacidade em disco, pois cada usuário precisará de seu “espaço virtual” que possa acomodar seu sistema operacional junto aos demais aplicativos que serão instalados. Também é necessário uma grande quantidade de memória RAM, pois cada maquina virtual irá ocupar uma área separada da memória.

CONCLUSÃO

A virtualização já é realidade nas empresas e grandes corporações, isto por que ela amadureceu e conquistou seu espaço com o tempo. Outro fator bastante relevante é o apoio que esta tecnologia tem por parte dos defensores da TI Verde. Como a virtualização favorece de certa forma a natureza, sua participação em nossas vidas será cada vez mais constante.

É dessa forma que Roberto Diniz, executivo de otimização de TI da IBM, afirma em seu discurso: "Não haverá condição no futuro para que cada um de nós tenha um computador mal aproveitado, isso é pouco sustentável. É importante que os computadores estejam conectados entre si numa grande rede, de forma coerente".

Android

Java

Hibernate

Joomla!

CSS3

HTML5

Saia na Frente

html5 css3

Sobre Mim

sobre-foto-2Adriel Café é Web Master e Desenvolvedor Java. Ele incentiva o uso/estudo de Web Standards, Java e Android.

Saiba Mais

Encontre-me

facebook linkedin